MISSÃO Ser um espaço de desenvolvimento de competências e habilidades necessárias na formação humana integral, elucidando preceitos de responsabilidade, comprometimento e respeito, estimulando o gosto pelo saber.

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Respeito é bom e todo mundo gosta!


Partindo deste ditado popular, os alunos da Escola Estadual de Ensino Médio Érico Veríssimo, inseridos no programa Mais Educação, desenvolveram a I Gincana Interdisciplinar do Mais Educação, juntamente com os professores do projeto e equipe diretiva da escola. Entre os dias 18 e 27 de junho, foram desenvolvidas diversas atividades guiadas pelo tema Bullying, como teatro, palestra, jogos cooperativos, produção textual, paródias, entre outros.
            O termo Bullying é designado como o ato de amedrontar, intimidar, ou seja, é todo o tipo de violência física ou psicológica intencional e repetida que é praticada por um ou mais indivíduos, causando angústia, dor, preconceito e opressão. Essas agressões podem acontecer em diferentes espaços, como na escola, no trabalho, em casa, e em diversos outros locais da sociedade.
            Com intuito de melhorar a convivência entre os alunos e proporcionar um ambiente de estudo mais agradável, foram realizadas atividades visando a não violência dentro do ambiente escolar. Grande parte das agressões na escola é de ordem psicológica, ocasionadas principalmente pelo emprego de apelidos pejorativos e desagradáveis criados para humilhar os colegas de classe. Porém existem também casos de violência física, em que escola deve tomar as devidas providências, sempre envolvendo os pais.
            Para que esta gincana ocorresse, os alunos foram divididos em equipes e motivados a trabalhar unidos, cooperando entre si e entre equipes. A Gincana encerrou-se com a premiação de todas as equipes, pelo empenho e participação, bem como certificação da equipe que mais se destacou no desenvolvimento das atividades propostas. A campanha foi bem aceita pelos alunos que se empenhavam mais, dia após dia.

Autores: Daiane Pegoraro, Gabriele W. Tumelero

 
Cartaz de não-violência

Jogos cooperativos



video

Nenhum comentário:

Postar um comentário